Vamos de falar de visto Canadense e a isenção dele para brasileiros?

Mesmo com a notícia de que brasileiros não precisarão mais de visto para a entrada no Canadá, não será tão fácil assim, pois a medida pede alguns requisitos que precisam ser atendidos.

Primeiramente, vamos as novidades. Desde o ano passado, o departamento de imigração Canadense liberou a notícia de que brasileiros não precisarião mais de visto para visitar o país em algumas ocasiões, contudo essa notícia já tinha sido divulgada antes e foi revogada, porém ao que tudo indica, dessa vez a coisa acontece, pois a validade já passa a ser dia 01 de Maio desse ano de 2017.

Mas como vai funcionar?

O Canadá já possui uma lista de países, cujas pessoas não precisam de visto, mas sim do eTA, que é uma autorização do país para a entrada por via aérea,ou seja, se você for entrar no país por outros meios como terrestre ou marítimo o eTA não será válido.

Os viajantes advindos desses países precisam somente entrar no sita da CIC (departamento de Imigração Canadense) e preencher o formulário on line com algumas informações e pagar a taxa de incríveis CAD 7.00. A resposta sairá em alguns minutos ou em poucos dias.

A validade será de cinco anos ou até a validade do passaporte, o que vier primeiro.

Quem já pode?

Neste LINK você encontra a relação de países que já podem fazer a solicitação do eTA, note que o Brasil ainda aparece como sendo necessário o visto, por que na data deste post, ainda não havia entrado em vigor a medida.

Quais são os requisitos?

Segundo a informação que conseguimos neste link do próprio CIC (link aqui) você precisa ter recebido visto Canadense nos últimos 10 anos e/ou ter um visto Americano válido. Contudo, vale lembrar que o eTA é para visto de turismo, quem vai para ficar mais de 6 meses ou vai para estudar em College tem que aplicar os devidos vistos.

Tenho eTA e quero ir ao EUA, posso?

Na verdade depende, pois uma vez que o eTA é válido somente para entrada pelo ar, se você for aos EUA e voltar para o Canadá por via aérea, a resposta é sim. Agora, se você for de ônibus (o mais comum), não poderá entrar de volta, por via terrestre.

Mas e se eu não atender os requisitos acima, como solicito meu visto de turismo?

Neste caso, será necessário fazer o procedimento padrão que é:

  1. Entrar no site do CIC (link CIC) preencher o formulário de elegibilidade para a aplicação via papel ou eletronicamente.

Algumas pessoas, por parâmetros do próprio governo canadense precisam fazer a aplicação em papel. Porém, a maior parte fará eletronicamente.

  1. Criar seu perfil no site, nele você conseguirá acompanhar o seu processo todo e lembre-se que a comunicação com o consulado será toda através do portal e também do seu endereço de e-mail, então atente-se ao preenchimento.
  2. Criado seu perfil, você passará a fase de preenchimento dos formulários fornecidos pelo próprio site. Eles são em PDF com opções de lista de preenchimento e campos livres para a digitação.
  3. Os formulários pedem informações pessoais, informações de mais pessoas que viajarão com você (se aplicável) e informações de grau de estudo e de trabalho.
  4. Existe um formulário com algumas perguntas relacionadas ao envolvimento com terrorismo e movimentos partidários.
  5. Depois de baixar os formulários e preenchê-los vem a hora de fazer upload dos documentos no site. Não tem segredo, todos os campos já bem explicados e informam quais formulários você deve submeter em cada campo.

Um ponto de atenção aqui é que, existem campos para o envio de documentos como passaporte, vistos válidos, declaração financeira entre outros.

  1. Talvez esse seja um dos pontos mais importantes da sua aplicação, pois diferentemente do visto americano que possui entrevista pessoalmente, o visto canadense é tudo on line e sem entrevista propriamente dita. Então, atente-se e capriche na hora de fazer a carta de intenção, pois junto com toda análise de documento, ela quem pesará na hora da tomada de decisão.

Sugestão: Coloque sua intenção da visita, mencione o quanto é importante para você a ida ao Canadá, as mudanças que você espera para sua vida quando voltar. Demonstre que sim, você tem e vai voltar ao Brasil depois do tempo previsto de viagem e mais, mostre que você tem como se sustentar durante o período em que ficará no país.

  1. Feito tudo isso, você será encaminhado no próprio site para o pagamento da taxa de aplicação, confira aqui os valores: http://www.cic.gc.ca/english/information/fees/result.asp?countrySelect=BR&lob=trv
  2. Tudo certo até aqui, agora é só esperar a comunicação do consulado que acontece via e-mail enviado ao seu endereço eletrônico com um link para acesso ao site da CIC.

Caso eles necessitem de mais alguma informação eles te solicitarão nesses e-mails, e quando a decisão for tomada a comunicação também será dessa forma.

Saiu a decisão o que eu faço?

Bom, primeiramente você precisa saber qual foi a decisão. Caso ela seja negativa (o que não esperamos, pois já passamos por isso), você poderá ajustar o que for necessário e refazer todo o processo.

Agora, caso ela seja positiva (o que realmente torcemos para que aconteça), você terá que seguir os seguintes passos:

  1. Entrar no site e imprimir a carta de decisão.
  2. Juntar seu passaporte com a carta.
  3. Entra no link a seguir (offices) para verificar para qual centro de processamento você deverá enviar se documento e também calcular os valores a serem pagos. Exatamente, mais valores a serem pagos.
  4. Com essas informações, você deverá se dirigir até um banco e realizar o depósito no guichê de caixa na conta informada da empresa que faz o processamento. ATENÇÃO: Tem que ser depósito no guichê, não pode ser por envelope nem transferência bancária e tem que ser no valor exato.
  5. Juntar tudo isso com duas vias da carta de autorização para a manipulação da documentação pela empresa representante.
  6. Uma folha com seu endereço, e-mail e telefone para que caso seja necessário eles possam entrar em contato contido e também devolver seu passaporte.
  7. Feito isso, é só enviar pelos correios ao centro de processamento escolhido.

Ok, acabou?

Na verdade, quase! A empresa vai recepcionar sua documentação, enviar para a central de processamento de visto e lhe enviar de volta via correios a documentação.

Note que o visto canadense nem sempre vem com foto, por mais que você tenha que enviar uma foto para eles. Eu me assustei com vi o meu sem…..

Existe também a possibilidade de você levar e buscar seu passaporte na empresa, porém ainda assim precisará pagar uma taxa de serviço.

 

Recebi meu passaporte com o visto. O que faço agora?

Agora arrume as malas e boa viagem!

 

Gostou do post? Compartilhe e curta nossas redes sociais para ficar por dentro de mais dicas sobre o Canadá e outros destinos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s